Identifique gargalos de rede com Wire Data Analytics

Identificar gargalos de rede pode ser uma tarefa árdua e demorada em grandes operações de TI.

Hoje as redes de comunicação estão cada vez mais velozes. Isso é, com mais capacidade. Links de 100 Gbps já são comercializados para clientes de médio porte e a comunicação Gigabit é padrão dentro das nossas casas.

É verdade que dependemos cada vez mais do tráfego de dados para as atividades do nosso dia-a-dia, mas quando temos problemas de performance na comunicação é difícil saber quem é o culpado.

Isso porque a performance dos sistemas depende de inúmeros fatores, como banco de dados, sistemas de armazenamento, servidores, etc. A rede conecta todos esses componentes e é imprescindível, mas não é fácil identificar gargalos quando eles acontecem.

Monitoramento de rede

Atualmente a monitoração de rede busca avaliar a capacidade de porta de comunicação (geralmente com SNMP – em rede local). Ou seja, parte-se do princípio que se uma porta está recebendo muito tráfego ela deve estar “dropando” pacotes. Retransmissão de pacotes é um comportamento absolutamente normal nas redes atuais e o TCP/IP prevê isso, mas que em excesso causa latência e, dependendo da situação, a indisponibilidade do serviço.

Se tivéssemos apenas as nossas redes internas para cuidar, seria muito fácil monitorar e identificar problemas. Mas hoje em dia é muito comum que os sistemas internos dependam de sistemas externos (APIs, webservices, etc), ou usuários internos dependam de sistemas em nuvem. Ou seja, se o sistema é externo, como monitorar as portas de rede? Ou seja, como saber se há um gargalo e retransmissões em excesso?

Além disso, quando alguém reclama que o problema está na rede, como explicar que o problema não é na sua rede local ou em um servidor de outro setor ou mesmo hospedado em nuvem?

Identificando gargalos de rede com Wire Data Analytics

Com Wire Data Analytics é possível identificar, para cada transação e flow em nível de usuário ou sistema, informações fundamentais para a administração da rede. A tecnologia fornece insights e respostas extremamente rápidas para perguntas como:

  • Qual foi o Round Trip Time (RTT)?

  • Quanto tempo levou o envio do Payload?

  • Qual foi a taxa máxima de transferência (em bps)?

  • Houve lentidão para resposta do servidor requisitado?

  • O handshake TCP demorou para concluir?

  • Quantas retransmissões ocorrem da origem e do destino?

  • Quantos bytes e pacotes foram transmitidos?

  • Houve fragmentação excessiva?

  • Qual é o tamanho dos pacotes?

  • Houve envio de pacotes de Zero Window?

  • Dentre dezenas de outras informações…

Com estas respostas, você descobre se a causa do gargalo está na rede ou nos servidores de aplicação, banco de dados, webservices, etc, sejam eles internos ou em nuvem. Tudo isso sem causar qualquer overhead, uma vez que esse tipo de ferramenta trabalha apenas com tráfego de rede espelhado.

Conheça as soluções de Wire Data Analytics da Zerum e surpreenda-se.